18 setembro, 2016

Saiba as vantagens de contratar um personal training!


  Graças a evolução da medicina e o acesso a informação pelas redes sociais, as pessoas felizmente enxergam o exercício não só como um meio de ter beleza física, mas principalmente, como uma porta para a saúde qualidade de vida.
A Atividade fisica não se limita na  ênfase da aparência, pelo contrário , ficar em posição de destaque por ser alguém em quem o cliente poderá confiar seu corpo e vida para um trabalho de prevenção de doenças e resgate individual da própria saúde física e mental. E ele terá formação e competência para fazê-lo.

Mesmo sabendo, que praticando exercícios físicos e fazendo uso de uma dieta adequada, o exercício ainda parece algo crítico para o indivíduo. Ensinar o mecanismo do ganho ou perda de gordura e mudanças de hábito na vida cotidiana dos indivíduos são mais algumas das funções do Personal Training.
Mesmo sendo avisados pelos médicos e pela mídia do perigo do excesso de peso e certos hábitos de vida e na dieta e que um bom programa de exercícios e boa alimentação podem reverter todo este processo, os consultórios parecem ainda estar abarrotados de pessoas sofrendo do mesmo mal, doenças desenvolvidas pela obesidade e sedentarismo
 Diante de um quadro onde os indivíduos parecem entender mas não como fazer e ainda a insegurança de onde buscar ajuda, surge a sua luz no fim do túneo,   o Personal Trainer. Esta função especial do Educador Físico deve ser encarada com muita seriedade.

Alem de mudar de vida para a melhor, contratar um personal pode ser:
O atendimento e acompanhamento individualizado.
 Maior atenção na supervisão e correção dos exercícios.
Possibilidade de variação de modalidades e atividades de exercícios.
Comodidade na escolha e variações de locais para execução das aulas.
Escolha de horários compatíveis com a disponibilidade e rotina diária do Cliente.
 Elaboração de programas com objetividade e eficiência, atendendo às expectativas do cliente e sua individualidade biológica.
Maior motivação causada pela presença do Personal para os dias de indisposição e falta de vontade para exercitar-se.
E é claro, ter total certeza que suas articulações estão sendo trabalhadas de forma correta, com possibilidades quase que nulas de ter uma lesão em decorrência do treinamento incorreto.
Portanto anime-se!
Procure um professor com qualificação, competência e veja os resultados.
Perder peso é uma opção.
Ser saldável é uma escolha.

Viva, e viva bem.

13 setembro, 2016

Comece a correr já...

   Quem não conhece alguém que tenha uma paranoia ou algum tipo de vicio por corrida?
   Ou ainda, quando falamos que correr deixa a pessoa mais feliz, com bom humor ou que uma ou outra dor muscular podem ser classificada como gostosa.
   Correr realmente libera algumas enzimas no cérebro que a ciência comprova tudo aquilo que citamos no paragrafo anterior.
   Então, o Sujo de Barro preparou algumas dicas para você, iniciante, que está com dúvidas em escolher a sua primeira prova de corrida. Fique de olho em todos os detalhes!

   Essa dica serve para qualquer atividade física. Mas ao correr ao ar livre é ainda mais importante para que você não tenha nenhum problema no meio da rua. Uma boa pedida para avaliar sua condição é consultar um medico para determinar a sua capacidade atlética, pois servirá de base para a prescrição de exercícios.

– Escolha o desafio em uma data não muito próxima para ter tempo para treinar.

– Analise a altimetria da prova procurando sempre optar pelos trajetos mais planos possíveis, dessa forma treine especificamente para o desafio escolhido.

– Vá a uma corrida bem organizada, preferencialmente já feita por algum colega para ter algumas dicas e orientações.

– Priorize as provas que seu grupo de amigos fará assim seus treinos não serão solitários.
-- Use tênis próprios para corrida e roupas leves.
-- Nunca deixe a hidratação para depois, beba agua sempre que puder.
    E quando for treinar nas ruas em seu dia a dia, você precisa estar visível, especialmente para os motoristas. Use roupas claras e com detalhes refletivos. Opte pelos tênis e jaquetas mais chamativos que você tiver.

   Não importa o quão confortável você se sente durante a noite, é sempre mais seguro correr quando tem mais gente na rua. Se você costuma correr sozinho, tente encontrar um grupo de corrida, assim você terá parceiros para as passadas.

    Coloque a carteira de motorista e o cartão de seguro médico (no caso de você se machucar) em seu bolso. Se for possível, corra com o seu celular. Isso tudo fará com que você possa ser identificado caso sofra algum acidente.
    Para algumas pessoas é quase impossível correr sem música. Mas você precisa tomar muito cuidado ao ouvir as melodias durante as corridas ao ar livre. Cortar o seu senso de audição significa que você não poderá ouvir carros que se aproximam, os ciclistas gritando para pedir passagem, os cães latindo ou qualquer outra ameaça potencial. Se não tiver jeito, corra usando apenas um lado do fone de ouvido.


   Mesmo se você estiver correndo em um parque, onde não tem carros, sempre terá alguém passando ao seu lado, podendo ser outro corredor ou um ciclista. Se você está se aproximando de outra pessoa e precisa ultrapassá-la, comunique-se com ela e deixe-a saber que você está por perto.
   É sempre uma boa ideia ter ao menos algum dinheiro com você, caso ocorra alguma emergência. Por exemplo, se o tempo estiver muito ruim ou algum ferimento começar a incomodá-lo, você pode precisar de um táxi ou ônibus para voltar para casa. O dinheiro extra também pode ser útil quando você precisa comprar uma água, uma bebida esportiva ou algum petisco durante o treino.

   Se um local ou uma pessoa não faz com que você se sinta confortável, confie em seus instintos e corra em outra direção.



23 agosto, 2016

Como você se diverte ???

      Como costuma se divertir? Como costuma matar aquelas horas em que não tem obrigação de trabalhar? São exatamente nestes momentos que grande parte das pessoas se apaixonam por esportes de aventura. Às vezes até parece coisa de louco transformar um dia que deveria ser de descanso em um dia ainda mais movimentado, mas pode ter certeza que isto faz o maior sentido do mundo.
 
“Esportes radicais” são conhecidos assim por terem um tempero a mais, ou seja, um pequeno grau de risco e superação. Uma das principais diferenças deste tipo de esporte é exatamente esta situação de perigo e medo, que são proporcionados estimulando a liberação de adrenalina em nosso corpo.     
   É este o motivo das pessoas procurarem praticar alguns esportes de aventuras em seu tempo livre, a fuga da rotina do dia-a-dia para mergulharem no universo da natureza e das emoções.
      Quem pratica esse tipo de esporte sente uma sensação ímpar de liberdade, que junto à aventura acaba sendo como uma terapia e alivio para o estresse acumulado durante a semana. O que acaba sendo um meio muito mais eficiente e benéfico para renovar sua mente do que apenas passar o dia descansando e assistindo televisão. Além disso, proporcionam uma sensação de bem-estar muito forte e um aumento da autoconfiança dos praticantes que se desafiam e conseguem se superar nos obstáculos impostos por estes esportes.
      É este desafio e superação que acabam sendo “viciantes” e motivam as pessoas a praticarem esportes de aventura. São esportes que exigem dedicação, respeito, coragem e senso de responsabilidade. Isto, junto com a busca pelos próprios limites e a superação dos mesmos que  acabam servindo de lição para toda a vida.  Além de todos os benefícios fisiológicos, deixa a gente magrinho e aumenta nosso numero de bons amigos.






      Venha para o esporte você também, e prepare-se para mudar a sua vida...


07 agosto, 2016

ABDA só ta que cresce!!

      Um grande presente foi dado para Bauru, na semana do aniversário da cidade, a parceira entre a ABDA e a Zopone rendeu um lindo fruto.
      Tivemos a grande honra de participar de uma cerimônia de inauguração da “Arena ABDA”  no sábado dia 06/08/2016. Todos aqueles milhões de metros cúbicos de água formando uma piscina com dimensões  olímpicas e propiciando qualquer tipo de competição aquática.
      Por isso o Sujo de Barro foi até lá e registrou tudo, preparando e postando com amor e carinho.
       Um marco na vida de muitas pessoas, uma grande ferramenta de educação esportiva foi finalmente construída em Bauru.
     Quase 3 mil jovens sendo orientados e acompanhados por profissionais que usam o esporte como ferramenta de formação e resgate de pessoas.
Natação, Polo e Atletismo mudando vida dos jovens.

Parabéns pela iniciativa privada e para todos que vestem a camisa da união, do trabalho para alguém. O Sujo de Barro adora a ABDA.

Viva e viva bem.


Sujo de Barro, o lado “B” do esporte!

25 julho, 2016

Bauru é mais BIKE.

      Dessa vez não precisamos ir tão longe para garantir uma divertidíssima manhã de sol. Equilibrado em duas rodas o final de semana teve um toque levemente picante em nossas aventuras.     
 No domingo do dia 24/07/2016 tivemos a oportunidade de ver de perto, um grande evento que está em constante crescimento e deu um show de equilíbrio, isso mesmo equilíbrio, uma prova de cross country organizado pela equipe da EXTREMOS que uniu forças ao Thermas de Piratininga para reunir  um grande numero de ciclistas, que se aventuraram em meio às curvas e areiões de uma pista desenhada com todo carinho pela organização.    
E dessa vez terceirizamos nossa participação,  a galera do http://pirambamtb.com/  veio de Garça –SP para vestir nossa camisa e garantir uma triunfal e inesquecível participação.
      Com certeza todos os participantes adoraram e saborearam todos os deliciosos prazeres de um cross country, porem o grande vencedor no domingo foi o esporte,  de ver as crianças brilhando seus olhos ao verem os atletas voando baixo em suas magrelas, constatamos que o bom exemplo foi dado,
      Parabéns EXTREMOS.


Bons exemplos geram bons hábitos e domingo tivemos uma chuva deles.

17 julho, 2016

Como saber se seu treino está adequado?

Evoluir no esporte é:

Perceber que a gente pode andar mais, correr mais, subir mais degraus sem se esforçar e descobrir que têm um corpo mais forte do que jamais imaginariam. Perceber que aquelas dores nas costas que sentia há tantos anos começa a dar uma trégua.

Descobrir ao longo dos meses que aquela barriga que trazia consigo durante toda a vida não era tão companheira assim e começa a sumir.
Notar que dormem melhor, que respiram melhor e então nunca mais parar.
E não estão errados.
Há poucas sensações neste mundo melhores do que a sensação de se cuidar e ficar bem, com disposição para lidar com o dia a dia. ​As pessoas que têm sucesso em sair do sedentarismo não o fazem de uma hora para outra. Geralmente, quem vai com muita sede ao pote objetivando resultados urgentes acabam desistindo logo de cara, é o famoso foco de 5 dias.

Insista em mudar a rotina, isso exige persistência e você deve estabelecer metas que consiga cumprir. Não adianta você pagar cinco meses de academia sendo que você não visita uma há mais de 10 anos e no primeiro dia tentar levantar aqueles pesos que levantou há tanto tempo atrás. Lembre-se que seu corpo está desabituado às atividades físicas e que só porque você possuía o hábito de praticar esportes quando era um pouco mais jovem, não significa que pode retomar de onde parou, escute o que fala o profissional de Educação Física. Esses hábitos que você tinha irão ajudar, sem dúvida a permitir um processo de adaptação bem mais rápido do que aquelas pessoas que nunca praticaram nenhuma atividade, mas mesmo assim é importante recomeçar do zero. Afinal de contas, atividades físicas pesadas demais farão mais mal do que bem e as dores musculares do dia seguinte farão com que você tenha dúvidas sobre desistir de vez.

Fique de olho nos limites do seu corpo. ​Respeite-se que você vai ver como é fácil sair do sedentarismo. Escolha uma hora do dia na qual você está mais disposto. Pode ser qualquer uma, desde que você não tenha acabado de comer ou não tenha ficado muito tempo sem se alimentar. Escolha um momento no qual você tem tempo para comer com pelo menos uma hora de antecedência. Escolhido o momento do dia que você se dedicará à prática de exercícios, escolha sua atividade!
E mergulhe na sua atividade preferida sem medo de ser feliz,
Nunca se esqueça de que bons exemplos geram bons hábitos.
Viva e viva bem!



04 julho, 2016

Você conhece o Crossfit ?

Olá Senhoras e Senhores Apaixonados por Esportes, depois de muitas discussões e experiências chegamos a uma conclusão de que essa nova modalidade esportiva além de ser viciante pode ser a solução para muitos problemas e ao mesmo tempo responsabilizada por algumas possíveis lesões.
Com o objetivo de melhorar a força muscular, resistência física e a flexibilidade com as infinitas possibilidades de misturar tudo isso, descobrimos o caminho para você ter o corpo que sempre sonhou.
Ainda muito criticado em academias e embora eu possa compreender, assim como todos os esportes o Crossfit tem riscos, pois os exercícios trabalhados com cargas podem ser grandes agravantes ou propulsores de lesões que podem nos acompanhar para sempre.
Porem assim como todos os esportes existe técnicas corretas e formas de economizar os danos articulares ou funcionais, acredito na preocupação dos críticos, porem sempre busco ouvir os bons profissionais.
Existem técnicas seguras e degraus que não podem ser ignorados, é ai que mora o perigo.
A grande maioria dos esportes acaba influenciando a vida fora do ambiente de treinamento, a gente leva o treino para mesa, para cama, para a vida toda.
Mais e ai, podemos praticar crossfit?
Sim, pois não é a modalidade que te machuca, é a forma com que pratica.
Se ligue, busque sempre profissionais qualificados habilitados e vai treinar alguma coisa...


20 junho, 2016

MMA em Bauru


Demolidor fight
Um verdadeiro show foi o que os amantes do MMA do interior paulista puderam acompanhar na noite do último sábado 18/06/2016 no Ginásio de Esportes Panela de Pressão em Bauru na sexta edição do Demolidor Fight.
O card do evento foi recheado de lutas, sendo combates amadores e profissionais, para que o público não apenas pudesse conhecer novos atletas, mas também para que eles vissem grandes lutadores, quem compareceu ao evento pode ter a certeza que o nosso MMA está evoluindo graças a eventos como este.
O organizador Jeferson Pavanelo e toda a equipe envolvida foram elogiados devido à qualidade do evento e por estarem abrindo o caminho para o crescimento do esporte no interior paulista. Ficamos impressionados com a qualidade e o alto nível técnico dos atletas que lutaram bravamente, surpresa para muitos devido a garra e a vontade que os lutadores apresentaram durante a competição. E o que dizer do card profissional do evento, com um total de 10 lutas sendo duas disputas de cinturões.
Nos duelos principais da noite a primeira disputa do Cinturão foi protagonizada pelos atletas Alex Kamikaze da Equipe Allfight/Carlson Grace de Marilia contra Felipe Benicá da equipe King of Cage de Piratininga e o atleta da cidade de Marilia levou o cinturão para casa, Na segunda disputa o cinturão ficou em Bauru com a vitória do atleta João Oliveira da equipe João Oliveira fight team/Ricardo Pereira derrotando Islan Reis Galego da equipe Geração Fight Team Máximo de Araraquara.
Mas sabe quem ganhou com tudo isso? Quem ganhou foi o esporte e o público que esteve presente para acompanhar.

Esporte é vida, viva e viva bem.

Sujo de Barro: O lado "B" do esporte!!!



16 junho, 2016

Bauru é Brasil no Polo Aquatico


É OURO!


Com base da seleção formada por atletas da ABDA, Brasil conquista títulos masculino e feminino no Campeonato Sul-Americano sub-16 de Polo Aquático


         Ola. Senhoras e Senhores apaixonados por esporte:
   O Sujo de Barro, sempre aplicou o devido valor para o esporte profissionalizado, acreditamos que sem profissionais qualificados para motivar, treinar e preparar atletas, não há evolução!
Exemplo disso é a ABDA Bauru, que no último domingo, 12/06, o Brasil conquistou os títulos masculino e feminino do Campeonato Sul-Americano sub-16 de Polo Aquático, ambos com campanhas invictas, disputado em Medellín, na Colômbia.


      Com a base da seleção formada por atletas da Associação Bauruense de Desportos Aquáticos (ABDA), sendo sete jogadoras e dois auxiliares técnicos no feminino e, no masculino, nove atletas, um técnico e um auxiliar técnico, além de um chefe de equipe.

      Quem nos conta é a Jornalista Barbara Takemoto. 

Ouro Feminino 
     A equipe feminina não teve dificuldades durante sua campanha na competição, vencendo todos os seus jogos por placares elásticos e com a final mantendo-se dessa mesma forma, ganhando da Venezuela por 30 x 04.

As atletas Isabela Mendes e Julia Simões foram as goleiras menos vazadas da competição e Letícia Belório, da ABDA, e Ana Alice Amaral dividiram a artilharia da competição, ambas com 28 gols.



“As meninas foram muito bem, mesmo sendo a primeira viagem internacional da maioria da equipe. A Letícia, capitã do time, correspondeu às expectativas, soube liderar o grupo e teve um bom desempenho durante toda a competição”, afirmou Emerson Martins, técnico da seleção brasileira durante o Sul-Americano.

Ouro Masculino
      Logo em seu primeiro jogo, a equipe masculina enfrentou os donos da casa em uma partida dura que terminou empatada em 13 x 13. As outras partidas até a grande final não tiveram muitas dificuldades e o Brasil goleou todos os seus adversários.

A grande final foi novamente uma partida contra a Colômbia, os donos da casa, que contavam com grande apoio da torcida local. A partida começou com vantagem brasileira e até o final do segundo quarto o Brasil permaneceu a frente no placar, abrindo 07 x 05. No terceiro quarto, a equipe brasileira sofreu muitas expulsões e os colombianos conseguiram passar a frente no placar, ficando em 09 x 07, mas o Brasil não se abateu e mostrou bom poder de reação e maturidade e, nos últimos minutos do último quarto, conseguiu empatar novamente a partida, encerrando no tempo normal em 09 x 09.

Penalidades!
     Na cobrança de pênaltis a partida foi decidida com muita emoção, os jogadores do Brasil tiveram calma e converteram muito bem as penalidades. O goleiro João Pedro Fernandes garantiu a última defesa que deu o título ao Brasil. A artilharia da competição foi brasileira, de Matheus Stellet, com 48 gols. Vale ressaltar que o Brasil foi derrotado pela Colômbia nos dois últimos Campeonatos Sul-Americanos disputados.

“A equipe masculina progredia a cada partida disputada durante todo o Campeonato Sul-Americano, com os atletas sempre muito unidos e trabalhando em conjunto. A grande revelação foi o atleta João Carlos de Mattos, atleta nascido em 2002. Luan Barbieri, Ítalo José Vizacre, Thiago Ferreira, além do Stellet, também tiveram ótimo desempenho”, ressaltou Attila Sudár, técnico da seleção masculina no Sul-Americano.

Os atletas da ABDA tiveram um grande destaque na seleção e mostram a constante evolução do polo aquático bauruense que, em seis anos, já tem alcançado diversas conquistas estaduais e nacionais, cedendo um número enorme de atletas para representar o país na Seleção Brasileira em várias categorias, no masculino e no feminino.
  
Mais uma conquista!

No mês de julho, a ABDA realizará outra conquista: será inaugurada a sua piscina olímpica, com medidas oficiais que estará apta a sediar campeonatos nacionais como internacionais, tanto da natação como no polo aquático, tornando Bauru uma referência nacional nos esportes aquáticos.

A ABDA conta com o auxílio de seus parceiros: Zopone Engenharia e Comércio LTDA., Z-Incorporações, Pernambucanas, BNP Paribas, Lei de Incentivo ao Esporte, Ministério do Esporte, Grupo Multicobra, Semel e BTC.

Bauru sempre na frente.

Pratique esporte, viva e viva bem!!!

 

Assista a matéria sobre o time campeão de Polo de Bauru..

14 junho, 2016

Natação no frio


Olá Senhoras e Senhores apaixonados por esporte, o Sujo de Barro, sempre mostra as vantagens de se praticar um esportes de forma correta e como é importante treinar com acompanhamento de um profissional qualificado. Todo mundo adora uma piscina no verão, no calor é fácil vencer o preguiça para treinar e se for com uma refrescante piscina fica tudo mais atraente.  Mas e quando o calor chega ao fim e as temperaturas caindo até fazer frio, quando vem uma daquelas famosas frentes frias. Como encarar uma piscina mesmo se for aquecida e coberta com toda a logística de ir pra academia, trocar no vestiário, ficar só de sunga ou maiô, sair da água e correr para o chuveiro, se secar, vestir e ir embora… Ufa!
As crianças principalmente ficam cheias de manha pra ir à aula de natação e também podem sofrer com doenças respiratórias e dores de ouvido no inverno. Mas tomando alguns cuidados básicos o risco delas ficarem doentes é bastante reduzido e o “trauma” dos choques térmicos no frio pode ser amenizado.

Confira as dicas que o Sujo de Barro separou para não passar frio:
A piscina tem que estar climatizada para garantir um conforto. A água fria deve ser evitada, pois pode causar hipotermia e graves consequências. Mas a água muito quente também não é recomendada, pois além de ressecar a pele aquece demais o corpo e pode causar um choque térmico quando você sair da água. Sem contar que a agua quentinha fica um ambiente perfeito para a proliferação de microrganismos.

O ideal é a água estar climatizada por volta dos 27ºC, que a piscina também seja coberta e o ambiente climatizado. Mas como nem sempre isso é possível se você usa uma piscina a céu aberto, deve tomar cuidados redobrados. O roupão com capuz é indispensável pra ir até a beira da piscina e colocar assim que sair da água, assim como as sandálias.

Um bom aquecimento e alongamento somados antes da natação ou hidroginástica, ainda são mais  importantes ainda no inverno. Nada de “dar migué” na hora de aquecer e alongar, se concentre! Além dos exercícios de alongamento, um aquecimento aeróbico com exercícios como o polichinelo e uma corrida em volta da piscina, mantem os músculos e o corpo aquecido e ajudam a evitar lesões e dores musculares após a atividade.
 
Na hora de voltar para o vestiário, tome um banho com a temperatura do chuveiro próxima à da piscina, relaxe e se seque bem. Agasalhe-se, um blusão de moletom com capuz já mantém o corpo aquecido pra encarar a rua e aquele vento frio!

Com essas dicas você se protege de um resfriado ou um problema mais grave provocado pelo frio do inverno.
 Agora:
Onde encontrar a motivação e encarar todo esse ritual e não deixar os treinos na piscina de lado?
Aí vale as mesmas regras de qualquer atividade física em qualquer época do ano: você precisa ter foco, programar sua mente para que isso seja algo “automático” na sua rotina e acima de tudo, perceber e utilizar como motivação o bem estar que vem com a atividade física, a sensação de corpo mais bonito e funcional e as endorfinas liberadas durante o exercício sem contar a sensação de prazer que elas provocam! Isso tudo não tem preço!

As crianças também sentem e entendem isso e se elas gostam mesmo da atividade não vão fazer birra para cair na água!
A natação é uma ótima atividade, mas lembrem-se, elas devem gostar e sentir prazer nessa atividade. Se não for o caso, há diversas outras modalidades que elas podem testar e ver se têm afinidade. O importante é praticar atividades físicas em qualquer fase da vida, da infância à terceira idade!
Viva e viva bem.


·          

        

11 junho, 2016

CUIDADO AO TREINAR NOS DIAS DE FRIO

CUIDADO AO TREINAR NOS DIAS DE FRIO

Olá senhoras e senhores apaixonados por esportes, nos dias de temperaturas baixas todos temos preguiça de treinar, mesmo nossos treinos sendo ótimos em qualquer época do ano.
Não estamos desanimando, mas devemos ter alguns cuidados especiais para treinar nos dias de  baixas temperaturas.
Venham saber quais são alguns deles!  
Escolher o traje certo.
A roupa que escolhemos para treinar é muito importante para os dias de muito frio, pois com temperaturas mais baixas, o nosso corpo faz uma leve constrição dos vasos sanguíneos, fazendo com que sua circulação seja dificultada. Não deixe de se vestir corretamente, algumas peças de compressão tem a função de melhorar essa resposta circular.
Aprenda a dosar o seu treino
Como o frio, o nosso rendimento cai um pouco, ficamos mais “travados”, além do monte de roupa que nos atrapalha. O ideal é ter uma progressão mais espaçada até chegar ao pico da intensidade. Sugiro que comece leve e ir aumentando o nível gradualmente.

Não deixe jamais de aquecer e alongar de forma correta.
Com temperaturas mais baixas, os músculos tendem a ficarem mais tensos e levemente encurtados. Minha dica é aumentar o tempo de aquecimento e alongamento, assim nosso corpo fica mais apto para a atividade.
Nunca deixe de beber água, no frio temos a errada tendência a beber menos água.
Não Deixe de treinar, frio não é desculpa.

Viva e viva bem.


03 junho, 2016

Como encontrar seu patrocinador.

Seu patrocino vai ser seu melhor amigo.
Irei focar na busca de patrocínio de um atleta, porque para um atleta as coisas são um pouco mais difíceis, indiferente do esporte praticado.
A vida de um atleta brasileiro, principalmente o amador, é mais ou menos assim: estudar, trabalhar e treinar quando tiver tempo livre de preferencia, quando for participar de um campeonato muitas vezes os custos são arcados pelo próprio atleta. Com tantas dificuldades não podemos esperar um desempenho favorável, logo ele desiste do esporte, devido à falta de resultados.

 O atleta precisa de suplementos, de tratamentos médicos para possíveis lesões, de materiais (roupas, tênis, kimonos e materiais de segurança do esporte específico), o que torna tudo muito caro, sem falar em passagens, hospedagens e inscrições para campeonatos.

Não espere que uma empresa vá bater na sua casa dizendo que irá patrocina-lo, ela só irá fazer isso quando você for o melhor do mundo.
Enquanto você não é o centro das atenções, o melhor a fazer é ir atrás de um, mas como?
TENHA UM CURRÍCULO -  mostre os campeonatos vencidos, premiações, número de medalhas, entrevistas para o Sujo de Barro, revistas, jornais, vídeos, etc. Um atleta amador talvez não tenha muito  que colocar, mas ter um “currículo” mostra que você realmente é um atleta e o esporte é levado a sério por você, principalmente para os que não são muito conhecidos.
– FAÇA UM PROJETO -  tente mostrar como a empresa vai ganhar patrocinando você, essa talvez seja a parte mais difícil, caso você possua condições recomendo se auxiliar com uma empresa de marketing esportivo. Os locais onde a empresa pode ser divulgada por você, essa estratégia de marketing é mais difícil para quem conhece pouco sobre o assunto. Um exemplo: você sabe que empresa X vai ser inserida em uma cidade onde vai acontecer um grande campeonato que você irá participar, informações como essas podem ser a chave para um bom contrato.

– PRÓXIMAS COMPETIÇÕES - liste os campeonatos que você pretende participar, regiões, o tamanho do evento, as formas que o campeonato vai passar na mídia e coloque-se a disposição do patrocinador para eventos da própria empresa.
- ATENÇÃO PARA SUA POSTURA -  não seja displicente, não apareça em eventos com a marca concorrente, por exemplo, associação da sua imagem com do patrocinador será enorme, portanto atitudes que você tomar no seu dia-a-dia pode acabar com o contrato ou prolonga-lo por mais tempo.
SEJA O MELHOR
O  Sujo de Barro torce para que  essas dicas tenham ajudado, conhecemos muitos atletas que infelizmente tiram dinheiro do próprio bolso para disputar campeonatos, atleta é uma profissão e precisa ser mais valorizado no Brasil.
Sem se preocupar tanto com dinheiro e tendo mais tempo para treinar, o rendimento e desempenho do atleta tende a melhorar, afinal mostrar resultados para o patrocínio vai ser mais do que necessário, com mais treino e dedicação os primeiros lugares serão constante.
E o segredo do sucesso esta em, treinar, treinar e treinar.

Viva e viva bem...

Filmes...

Loading...